Dicas sobre como melhorar o fluxo de caixa do seu negócio de transportes

fluxo de caixa

Além de oferecer um serviço valioso à sociedade, facilitando a ligação entre bens ou pessoas, as empresas de transporte têm um objetivo claro: ganhar dinheiro. Ninguém tem um negócio para gerar prejuízos e, no final, os lucros devem sempre superar as despesas. Contudo, no setor da logística e do transporte, nem tudo é tão simples. 

É evidente que se a procura aumentar, as empresas de camiões precisam de expandir as suas operações, o que implica custos iniciais mais elevados para camiões e equipamentos, bem como, possivelmente, longas semanas de espera para receber os rendimentos pelos seus serviços. Isto pode traduzir-se numa falta de liquidez que ameace o seu negócio de transporte.  

É possível que a maioria dos profissionais do transporte encontre alguns obstáculos para manter um bom cash flow. O aumento da concorrência no mercado, a crescente demanda pela incorporação de tecnologias emergentes e os altos preços do combustível representam uma grande carga para as operações.  

Em muitos casos, os elevados custos de manutenção das frotas de camiões, do pessoal ou das instalações resultam numa série de saídas de capital que podem alterar o seu plano de negócio. Por esta razão, a primeira coisa que queremos destacar é que é fundamental contar com um cash flow sustentável.  

Neste contexto, pode ser difícil manter uma perspetiva otimista sobre o cash flow. No entanto, não está tudo perdido. Já existem soluções específicas para poupar e, o que é mais importante, para obter financiamento rápido e fiável. 

O dinheiro importa: Verificação de clientes e controlo de faturas para profissionais do transporte  

Aqui estão três estratégias práticas que podem ajudar profissionais como você a proteger o cash flow e manter a solvência: 

  1. Analise os seus potenciais clientes: não entre em pânico; existem várias estratégias para estar um passo à frente. Primeiramente, é importante analisar a solvência de um novo cliente antes de fechar um novo contrato. Não importa quão conhecida seja a empresa, se tem um extenso histórico de não pagamentos ou de longos atrasos no pagamento, dificilmente será diferente no nosso caso. Neste sentido, na Wtransnet, existe um sistema de classificação de parceiros que pode consultar antes de fechar qualquer acordo de transporte, assim, pode garantir que o seu potencial cliente tem um histórico positivo e que paga a tempo.  
  1. Documente as faturas de transporte e mantenha um registo de clientes: é bastante comum que, com o caos do dia a dia, algumas faturas se percam. Um erro que pode sair muito caro. Manter um seguimento exaustivo das faturas é essencial. Se tiver que reclamar um pagamento e o fizer de maneira educada, dando ao cliente o benefício da dúvida, pode até fortalecer a vossa relação comercial. Também pode ser interessante ter registos detalhados dos clientes com quem já trabalhou. Desta forma, se voltar a trabalhar com eles, não se deparará com nenhum problema por negligência.  
  1. Para além de tudo isto, podemos contar com ajuda externa. A Wtransnet, por exemplo, é uma bolsa de cargas que oferece garantia de pagamento uma opção com a qual pode ter a certeza de que sempre será pago pelos seus serviços. 

Reforce o crescimento do seu negócio 

  1. Um bom planeamento das despesas regulares irá ajudá-lo a calcular antecipadamente os seus custos de acordo com o preço médio dos recursos de que necessita e o número de quilómetros que espera percorrer. 
  1. Invista em equipamento de trabalho atualizado: estar atualizado permitirá poupar em manutenção e combustível, o que se traduzirá numa economia de dinheiro no final do mês.  
  1. Aproveitar a tecnologia: o uso de tecnologias digitais é uma das melhores formas de eliminar a ineficiência. De facto, um dos maiores obstáculos nos negócios de transporte é melhorar a eficiência através da redução dos quilómetros vazios. É aqui que entram as bolsas de cargas como a Wtransnet. Através da sua plataforma online, a Wtransnet conecta a oferta e a procura de capacidade. Dispor desta informação permite gerir a atividade diária da empresa de forma mais sustentável, com múltiplas alternativas de contratação, reduzindo assim os quilómetros em vazio.  
  1. Por último, pode considerar reduzir custos nas áreas que não contribuem para a sua empresa. Todos os serviços que oferece são rentáveis? Está-se a externalizar trabalho que pode ser realizado internamente de forma mais económica? Existem novas tecnologias que possam eliminar métodos mais custosos para realizar um trabalho? 

Check Also

Wtransnet Opiniões: «Graças ao seu serviço pude cobrar todas as viagens». Alfonso da GadLine Transportes

Os usuários da Wtransnet partilham a sua experiência: Entrevista com Alfonso da GadLine Transportes  Na …

Deja una respuesta