Home / Transporte e atualidade / Transporte / Um verão sem precedentes para a atividade de transporte rodoviário de mercadorias

Um verão sem precedentes para a atividade de transporte rodoviário de mercadorias

Um verão excelente para o transporte rodoviário de mercadorias. Este é o título que resume o último indicador de transporte realizado pela Wtransnet, a bolsa de cargas líder na Península Ibérica, relativo à campanha estival. Durante os meses de julho, agosto e setembro, testemunhamos um volume de ofertas de carga bastante superior ao registado no ano passado e mesmo superior ao de 2019.

Um verão que contabilizou mais 300 mil ofertas de cargas do que há dois anos e de quase um milhão e meio mais do que em 2020, o que representa um aumento de 39% da atividade. Desta forma, estamos prestes a entrar em 2022 com uma tendência de crescimento facilmente comprovada pelos dados de julho e setembro, durante os quais a atividade foi muito superior ao que é habitual durante estes meses do ano. 

REm números excelentes, os dados que mais se destacam são os relativos às ofertas de cargas com origem na Península Ibérica e destino no resto da Europa. Neste sentido, o crescimento em relação ao mesmo trimestre em 2020 é de 60%. Um aumento que se explica pela atividade excelente dos cinco principais países que recebem mercadorias provenientes de Portugal e de Espanha, particularmente notável em mercados como Alemanha, Itália e Benelux

Em França, o nosso principal mercado do transporte internacional, o aumento foi de 62%; enquanto nos outros quatro países que completam este “Top 5”, a diferença é excelente: Alemanha (+142%), Itália (+164%),  Países Baixos (+197%) e Bélgica(+122%). 

Também as ofertas de carga para a importação também aumentaram significativamente este verão, com um crescimento de 30%, que consolida uma tendência de crescimento até agora pouco habitual. Uma explicação plausível é a boa evolução da economia e o aumento das ofertas que proveem da união com a Teleroute, parte do Grupo Alpega, juntamente com a Wtransnet; estas são fundamentais na procura de rotas de regresso do continente para os transportadores espanhóis e portugueses. 

 No que diz respeito ao transporte doméstico, este representa o maior volume na bolsa de cargas e camiões da Wtransnet e que recolhe todas as ofertas de carga com origem e destino na Península Ibérica, e este verão atingiu praticamente um milhão de ofertas de cargas

Deste modo, o mercado nacional continua a ultrapassar os números anteriores à pandemia, com um aumento de atividade de 38% em relação ao mesmo período em 2020 e de 13%, em comparação com 2019. 

Passada a época estival, entramos agora na época fria que irá marcar se a curva do crescimento da atividade continua ascendente no último trimestre do ano, fechando 2021 com medalha de ouro, onde a bolsa de cargas da Wtransnet tem registado excelentes resultados em todas as suas rotas. 

Consulte o relatório completo aqui

Check Also

Como é que o 5G pode remodelar o transporte de mercadorias e a logística?

Nos últimos anos, a tecnologia telemática sofreu reformas consideráveis, introduzindo várias mudanças, especialmente no setor ...

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *