Home / Transporte e atualidade / Actos e Eventos / Qualis Logistics, a bolsa de cargas premium da Wtransnet, convidada especial na conferência de CSE do IRU em Genebra

Qualis Logistics, a bolsa de cargas premium da Wtransnet, convidada especial na conferência de CSE do IRU em Genebra

A Wtransnet participou na conferência sobre serviços para operadores de transporte de mercadorias terrestre impulsionada pela International Road Union (IRU), que teve lugar nos dias 7 e 8 de Setembro em Genebra.

Pela primeira vez desde o seu nascimento, em 1996, a Wtransnet foi convidada a participar no encontro internacional da CSE, Comissão de Serviços para os Operadores de Transporte de Mercadorias Terrestre, promovido pelo IRU.

No quadro das conferências previstas nas duas jornadas de Genebra, houve espaço para a apresentação das últimas novidades relacionadas com o setor, tendo especial protagonismo a introdução do CMR eletrónico, através do qual o IRU pretende encabeçar a alteração para a inovação e a digitalização do transporte.

Uma das novidades mais importantes relacionadas com o setor é sem dúvida a introdução da normativa ISO 9001:2015, prevista para 2018. A ISO 9000 é um conjunto de normativas reconhecidas a nível internacional sobre sistemas de gestão e qualidade das empresas. As modificações que incluí a nova versão antepõem a gestão dos processos através da identificação de riscos e oportunidades no dia-a-dia da organização, detalhando todo o processo segundo as caraterísticas de cada empresa, sendo este um requisito obrigatório para poder certificar-se ou manter a certificação existente.

Ramon Fernandez (SETIR), Álvari Meléndez (SETIR), Fernando Velasco (ANTRAM), Carlos Oliveira (ANTRAM), Oznur Yilmaz (TOBB), Werner Schneider (Qualis Logistics), Anna Esteve y Jaume Esteve (Wtransnet)
Ramon Fernandez (SETIR), Álvari Meléndez (SETIR), Fernando Velasco (ANTRAM), Carlos Oliveira (ANTRAM), Oznur Yilmaz (TOBB), Werner Schneider (Qualis Logistics), Anna Esteve, Jaume Esteve (Wtransnet)

Esta alteração normativa dá um cariz distinto às relações entre fornecedores de serviços, fazendo mais complicada a operativa na hora de dar resposta às necessidades logísticas das empresas com a prontidão e flexibilidade que exige o setor.

A satisfação de formar parte de um congresso de tal envergadura, com a presença de 40 associações e empresas de transporte representantes de 25 países, não é casual para o Grupo Wtransnet; está ligada ao seu empenho em dar um passo mais na construção de uma plataforma de networking mais avançada e segura, capaz de dar resposta face a este novo cenário: a Qualis Logistics.

Nascida da colaboração com a DQS, a sociedade alemã de auditoria e certificação de sistemas de gestão, Qualis Logistics põe sobre a mesa uma solução na qual apenas poderão operar aquelas empresas capazes de demonstrar um alto grau de profissionalismo e qualidade através de qualquer das certificações aceites até ao momento: ISO:9001 e 2800, TAPA, AEO, Trusted Carrier (BGL), GDP, SQAS e o  Qualified Carrier (DQS).

Werner Schneider (Product Manager Qualis Logistics), Jaume Esteve (CEO Wtransnet)
Werner Schneider (Product Manager Qualis Logistics), Jaume Esteve (CEO Wtransnet)

Na Qualis Logistics apenas poderão participar empresas de transporte previamente auditadas e certificadas por um terceiro, facto que possibilita encontrar fornecedores adequados com os quais assinar um contrato de transporte imediato. Dado que em qualquer caso terá ao seu dispor os requisitos necessários para iniciar uma colaboração, a Qualis Logistics apresenta-se como uma ferramenta com a qual fazer frente às novas exigências do mercado.

Deste modo, as tendências atuais e futuras no setor do transporte de mercadorias terrestre são já uma realidade com a eleição de uma bolsa de cargas que permite o acesso apenas a empresas solventes e certificadas. Nesta mesma linha, o IRU, trabalha há anos sobre o conceito de mobilidade sustentável de pessoas e mercadorias em todo o mundo graças, entre outras coisas, a eventos como o de Genebra, com o objetivo de aumentar o conhecimento das ferramentas à disposição das empresas para construir uma rede de colaboração ainda mais sólida.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *